Principal propaganda

Presidente do Conselho Tutelar de Cabedelo Luiz Henrique é reeleito para mais um mandato. Vice-presidente é Hélio Patrício.

Atual presidente vem desenvolvendo ações que estão repercutindo positivamente na cidade portuária.

Por Redação Click Metropolitano em 13/01/2022 às 10:08:51
Click Metropolitano

Click Metropolitano

Foi realizado quinta-feira (06) a eleição da presidência do Conselho Tutelar, setor I. Na ocasião foi reeleito o conselheiro Luiz Henrique pelo segundo ano consecutivo seu vice-presidente é o também conselheiro Hélio Patrício..

Durante a sua gestão, o Conselho Tutelar, setor I, mesmo diante das limitações impostas pela pandemia, promoveu palestras e ações com gestores e representantes de escolas, além das intervenções oriundas das denúncias de negligência, evasão escolar, dentre outros.

As ações aproximação do conselho tutelar setor I levaram ao fortalecimento da instituição junto a sociedade de Cabedelo. Tanto escolas como pais e filhos estão respondendo positivamente a estas ações que no ano de 2021 produziram bons frutos no tocante a garantia dos direitos da criança e adolescentes.

Paralelo às ações realizadas no conselho, Luiz Henrique ainda criou o Fala Conselheiro, projeto filantrópico, que tem o objetivo de aproximar a população da informação, esclarecendo dúvidas relacionadas aos direitos das crianças e adolescentes. Dentro desse projeto, em dezembro, foi realizado o troféu Fala Conselheiro, que premiou trabalhos de alunos e a atuação de representantes das instituições de ensino do município.

Uma ação pioneira que destacou a importância das instituições de ensino e programas sociais filantrópicos voltados para o esporte que amparam as crianças e adolescente da cidade portuária.

As ações do atual presidente Luiz Henrique, reconduzido nesta nova eleição ao cargo, está trazendo uma nova forma de interação junto a sociedade Cabedelense.

Segundo Luiz Henrique, nesse novo ciclo a ideia é continuar avançando, melhorando o que já foi feito, além de inserir novos projetos.

Fonte: Click Metropolitano

Comunicar erro

Comentários